Salada de Tabbouleh - #segundasaudavel

Segunda-feira é o dia oficial da dieta. Todo mundo fala que vai finalmente perder aqueles quilinhos a mais e ficar mais saudável. Mas aí, vem a terça quarta, quinta feira...e o maldito final de semana. A gente finge que não lembra da promessa e come como se não houvesse amanhã. Aí chega a segunda feira e a gente começa tudo de novo. 

Eu sei que é assim. Experiência própria. Mas chega uma hora que ou você começa a levar à sério a vida saudável ou você aceita ficar acima do peso e com aqueles probleminhas de saúde. 

Não me entenda mal. Eu sou daquelas que acredita que a gente pode comer de tudo. Mas a verdade é que não dá pra comer de tudo o tempo todo. Por isso que eu decidi criar essa temporada de receitas saudáveis toda segunda-feira aqui no blog e youtube, pra ver se dá aquela motivação extra pra quem também quer viver mais leve. 

E nada melhor do que começar essa temporada com uma receita que substitui o almoço. Ao invés daquele pratão de arroz, feijão e tralalá, que tal um pratão de salada de tabbouleh? Prometo que você não vai passar fome. 

A quinoa tem tantos nutrientes que fazem bem pro corpo, mas tem também bastante proteína e fibras que vão garantir saciedade e energia. 

O meu segredo pra uma quinoa não amarga é lavar bem antes de cozinhar. Se você lavar muito bem eu garanto que não fica amarga. E pra falar a verdade, fica é uma delícia quando a gente mistura todos esses temperinhos juntos. Dá uma chance, vai?! :)

Ingredientes:

1 xícara de quinoa crua ou triguilho lavados e escorridos

1 e 1/2 xícaras de água

1/2 cebola roxa picada

1 pepino grande picado ou 2 pequenos

250g de tomates cereja cortados ao meio (ou 3 tomates sem semente em cubos)

1 maço de salsinha picado

5 a 10 folhas de hortelã picadas

Suco de 2 limões

Sal e pimenta do reino

Como Fazer:

Em uma panela, esquente a água. Quando levantar fervura, coloque a quinoa e baixe o fogo para mínimo e tampe. Deixe cozinhar por 15 minutos ou até que o líquido esteja evaporado e a quinoa macia. Reserve.

Em uma vasilha, misture o pepino, cebola, tomates e o suco do limão. Acrescente a quinoa, salsinha, hortelã e o suco do limão. Tempere com sal e pimenta do reino e leve para a geladeira por pelo menos 2 horas. 


Dutch Pancake

Já vou te avisando. Uma vez que você fizer essa receita, não vai mais conseguir parar de fazer. Ela é viciante e um perigo. Esses dias eu comi uma inteira sozinha, mas que isso fique só entre nós. E eu digo que ela é viciante porque na verdade,  não tem desculpa pra não fazer em casa. Os ingredientes são super básicos! Quem não tem farinha, leite e ovo em casa? 

 Ela leva o nome de dutch, mas na verdade eu nem sei se na Holanda eles comem mesmo isso, ou se essa é uma versão bem americanizada daquilo que um dia foi tipicamente europeu. Mas não importa. O que vale mesmo é o fato de que essa panqueca é incrivelmente simples, deliciosa e mega fácil de fazer. 

Nada contra as panquequinhas americanas, que aliás eu adoro e tenho uma receita aqui , mas essas aqui são muito mais fáceis de fazer porque você não precisa ficar virando e fazendo em etapas. É só misturar tudo, colocar no forno e voilà: você tem uma deliciosa panqueca, super versátil.

Falando em versátil, eu duvido você enjoar dessa receita. Dá pra fazer tantas adaptações! Com bananas caramelizadas e canela, com maçã, com amora, blueberries, morango, kiwi, uma caldinha de maracujá, calda de chocolateum limão siciliano espremido, um chantilly por cima, uma calda de caramelo ... Isso sem falar nas opções salgadas. Dá pra colocar parmesão, tomatinhos, manjericão, mozzarella, peito de peru picadinho, ou qualquer restinho que tiver na sua geladeira de frango, carne ou vegetais. É como eu disse, as possibilidades são infinitas. Você só precisa usar a sua imaginação um pouco. 

Ela é tradicionalmente servida no café da manhã, mas ninguém vai reclamar se você fizer para aquele café da tarde, janta ou até pra um almoço mais light servido com uma salada. É leve, cremosa, aerada, tudo ao mesmo tempo.

Dutch pancake não é uma receita muito doce, então se o seu paladar é mais adocicado, dá pra colocar umas 2 colheres a mais de açúcar, just in case. Ou não colocar açúcar nenhum na receita (sugar free? what??!!). Eu acho que não precisa de muito açúcar mesmo, porque eu sempre sirvo com algum tipo de calda doce, então acho que contrasta lindamente e talvez uma massa mais doce deixaria muito enjoativo. Mas aí fica ao seu critério. Depois de fazer uma ou duas vezes você vai ajustando de acordo com o seu paladar. De qualquer forma, espero que goste dessa receita e teste em casa também. Depois me conte como ficou :)

Ingredientes:

1/2 xícara de farinha de trigo

2 ovos

2 colheres de sopa de açúcar (opcional)

1 xícara de leite

3 colheres de sopa de manteiga sem sal

Pitada de Sal

170g de blueberries, amoras, morangos, bananas ou outra fruta da sua preferência

Como Fazer:

Em uma vasilha, misture a farinha, o sal e o açúcar.

Acrescente os ovos e o leite e misturer até que fique um creme homogêneo. Acrescente as frutas.

Preaqueça o forno a 210 C (400 F). Coloque uma frigideira que possa ir ao forno com a manteiga para que ela derreta e a panela fique bem quente.

Leve a mistura para a frigideira e deixe assar por 20 minutos ou até que a panqueca cresça bastante e fique dourada. O tempo de forno pode variar conforme o recheio que você usar. Frutas congeladas podem alterar o tempo de forno para mais e uma panqueca sem recheio pode levar menos tempo para assar.

Sirva com mel ou maple syrup, e polvilhe com açúcar de confeiteiro.

Brownie Cheesecake de Amora

Quando eu era criança, lá em Porto Alegre tinha um pé de amora perto de casa e eu costumava colher sempre quando eu voltava da escola. Deixava as mãos e os dentes todos pintados, mas era tão gostoso! Me traz muitas memórias gostosas, e essa frutinha é especial pra mim. A primeira árvore que eu plantei na minha casa, poucos dias antes de me casar, foi uma amoreira. E ela deu frutos lindos e deliciosos que encheram a nossa vida de doçura até a gente ter que se mudar embora do Brasil. Agora ela continua lá, adoçando a vida de uma outra família.

Essa receita que eu apresento aqui hoje, é muito gostosa e fácil de fazer. Eu vi algo parecido no Pinterest uma vez e fiquei com vontade de fazer, mas  decidi fazer as minhas adaptações e apresentar aqui a minha versão que, modéstia à parte, fica linda e muito muito boa.

Eu uso  amoras, mas dà pra fazer com blueberries, framboesas, morangos, ou até manga. 

Espero que você goste dessa receita e faça em casa também. Depois me conta como ficou :)

Ingredientes:

Para a calda de amora:

170g de amoras frescas ou congeladas

3 colheres de sopa de água

3 colheres de sopa de açúcar

Para o brownie:

8 colheres de sopa (1/2 xícara) de manteiga em temperatura ambiente (deixo fora da geladeira por algumas horas)

3/4 de xícara de açúcar

2 ovos

130g (3/4 de xícara) de chocolate meio amargo derretido

2/3 xícara de farinha de trigo

2 colheres de sopa de chocolate em pó

Para a Cheesecake:

227g de cream cheese em temperatura ambiente (deixe fora da geladeira por 4 horas)

1/4 de xícara de açúcar

1/4 de xícara de iogurte natural

1 ovo

Como Fazer:

Em uma panela, ferva as amoras, água e açúcar, por alguns minutos até que vire uma geléia. Amasse as amoras e peneire o líquido. Reserve.

Para o brownie, em uma batedeira, bata o açúcar e a manteiga até que vire um creme bem fofo. Adicione os ovos um a um, misturando bem a cada edição. Junte o chocolate derretido e misture. Peneire a farinha de trigo e o chocolate em pó e junte à mistura. Coloque a mistura em uma forma e reserve.

Para a cheesecake misture o cream cheese, açúcar, ovo e iogurte até que vire um creme lisinho. Coloque por cima da camada de brownie. 

Por último, junte a calda de amoras e faça movimentos circulares para que a calda se misture com a cheesecake, mas cuidando para nao misturar com o brownie.

Leve para assar em forno preaquecido a 170 C por aproximadamente 1 hora. Sirva frio.


Sopa de Broccoli-Cheddar

Essa sopa é uma das minhas favoritas de todos os tempos. Ela é super saborosa! Super! 

Quem já veio pros Estados Unidos provavelmente já foi tomar café no Panera Bread, uma rede de padarias deliciosa que serve pães, muffins, cafés, sanduíches, entre outras coisas. Eles servem uma sopa de broccoli-cheddar que é simplesmente deliciosa. Toda vez que eu vou lá eu peço a mesma coisa. Então eu queria muito aprender a fazer essa sopa em casa porque sou fominha e sempre fico com gostinho de quero mais (!)

E não é que essa receita fica igualzinha? Fiquei muito surpresa com o resultado! É idêntica. Eu venho fazendo essa sopa por alguns anos já, sempre bem à olho, e não tinha parado pra analisar os ingredientes e as proporções pra fazer ela ficar igualzinha à do Panera. Mas recentemente eu fiz uns testes e andei olhando umas receitinhas no Pinterest também (não vou mentir, pinterest é o meu melhor amigo) e cheguei nessa receita. 

Pra essa receita eu gosto de cortar os vegetais bem bonitinho já que depois eu não liquidifico. A (o) brócoli (ou seria brócolis ou broccoli? nunca sei, hehe!) eu gosto de deixar em buquezinhos porque fica mais bonito, mas nada impede de você cortar os talos em cubinhos e refogar junto com a cebola. Para a cenoura, eu corto em julienne (tá bom, nāo vou mentir, eu compro já cortada porque é um saco ter que ficar fazendo os bastõezinhos), mas eu acho que também dá pra ralar grosso ou cortar em cubinhos ou rodelas fininhas. Só que eu ainda acho que em julienne dá uma apresentação mais bonita para o prato, mas aí fica ao seu critério.

Para o autêntico sabor do Panera Bread, eu recomendo usar o creme de leite fresco, mas também dá pra usar o de caixinha ou de lata. Altera um pouco o sabor, mas fica gostoso também. 

Essa sopa é simples, deliciosa, fácil de fazer e fica ótima no dia seguinte também. Vale a pena fazer o dobro e guardar pra depois. Fica uma delícia! Garanto que você vai raspar a panela e pedir bis. 

Ingredientes:( rende 4 porções)

1 cebola cortada em cubos

4 colheres de sopa de manteiga

3 colheres de sopa de farinha de trigo

2 xícaras (450ml) de leite

2 xícaras (450ml) de creme de leite fresco, em caixinha ou lata 

3 xícaras (750ml) de caldo de frango ou vegetais (1 cubinho dissolvido em água quente)

4 xícaras de buquês de brócolis (aproximadamente 1 cabeça)

1 xícara de cenoura cortada em bastões ou rodelas finas (aproximadamente 1 cenoura)

250g de queijo cheddar ralado

Sal e pimenta do reino à gosto

Como Fazer:

Em fogo médio, refogue a cebola na manteiga até que fique macia. Acrescente a farinha e mexa por 1 minuto para que cozinhe um pouco. Junte o caldo de frango, o leite e o creme de leite (Se estiver usando o de lata ou caixinha, deixe para misturar no final para que nāo ferva).

Acrescente os buquês de brócolis e as cenouras e deixe cozinhar por aproximadamente 25 minuto em fogo médio baixo. 

Por último, acrescente o queijo e misture até derreter. Acerte o sal e pimenta e sirva dentro do pão italiano (eu retiro o miolo, deixando uma base no fundo e nas laterais pra que o pão segure a sopa)